terça-feira, 22 de julho de 2014

SALA DE ESPERA ALERTA SOBRE PREVENÇÃO DE DOENÇAS RESPIRATÓRIAS

A enfermeira Tatiane Fernandes abordou o assunto ‘doenças respiratórias’ em Sala de Espera realizada no ambulatório do HDLEM, discutindo sobre as causas, sintomas e cuidados sobre as indisposições que são muito frequentes nesta época do ano.
Com a chegada do outono e do inverno, muitas pessoas sofrem com as oscilações climáticas. O tempo seco e a baixa umidade relativa do ar são fatores que contribuem para o aumento das alergias respiratórias devido à alta concentração de poluentes na atmosfera. Com isso há uma redução dos mecanismos de defesa do organismo, o que propicia o aparecimento de doenças respiratórias como a asma, bronquite, rinite e sinusite. O ar frio também atua como irritante das vias aéreas, o que acarreta mais sintomas alérgicos, como a falta de ar e a coriza. Além disso, a maior circulação de vírus como o da gripe e do resfriado influencia diretamente no aumento de doenças do aparelho respiratório. As mudanças nos hábitos de vida também contribuem para o aumento das doenças respiratórias, pois ficamos mais tempo em ambientes internos e expostos ao ar-condicionado. As pessoas mais sedentárias, que dormem pouco e se alimentam mal, prejudicam a resposta de defesa do organismo.
Orientações úteis para fugir das doenças respiratórias nesse inverno:
· Mantenha o organismo hidratado, mas sem exagero;
· Evite fumar ou se expor a ambientes com muita poeira ou fumaça;
· Mantenha o ambiente arejado. As bactérias ficam concentradas em ambientes fechados, por isso, é importante evitar esses locais;
· Evite o contato com pessoas gripadas ou com resfriados, pois essas doenças são adquiridas pelo ar;
· Mantenha a respiração sempre pelo nariz e não pela boca, pois as narinas têm a função de filtrar o ar e aquecê-lo;
· Lençóis, edredons e roupas devem ser expostos ao sol e lavados sempre que necessário;
· As pessoas que já possuem problemas respiratórios como bronquite, asma e sinusite devem evitar o contato com bichos de pelúcia, tapetes e produtos que possuem pelos;
· A alimentação deve ser balanceada com sopas e caldos ricos em verduras e legumes. As frutas são essenciais, principalmente, aquelas que contêm vitamina C, como a laranja. Elas ajudam a prevenir gripes e resfriados.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita!